YoutubeFacebook

Mensagens

UMA IGREJA COM RAÍZES

 O começo da Igreja Presbiteriana de Manhuaçu (IPM) está ligado a sua “igreja-mãe”, a Igreja Presbiteriana de Alto Jequitibá, que expediu 44 cartas de transferências de membros para que pudesse assim, no dia 07 de junho de 1905, ser organizada a IPM. Na Galeria de Pastores é possível encontrar 26 servos do Senhor que contribuíram para que esta obra, mais do que centenária, pudesse se desenvolver de modo vitorioso. A partir do ano de 1823 várias famílias deixaram a Alemanha e vieram para o Brasil, aportando no Rio de Janeiro-RJ, depois indo para Nova Friburgo-RJ, em seguida para Alto Jequitibá-MG, até chegar à Manhuaçu-MG. Não só famílias Alemãs, mas Suíças e Portuguesas migraram para o nosso amado Leste de Minas. É preciso lembrar que em 1885 migrou-se de Nova Friburgo para a região de Manhuaçu o Sr. Conrado Jorge Heringer, Luterano, trazendo farta literatura evangélica. Esta literatura serviu como instrumento para a conversão de muitas pessoas aqui na região. A IPM foi organizada por uma comissão nomeada pelo  Presbitério do Rio de Janeiro-RJ, composta dos seguintes irmãos: Rev. Franklin do Nascimento (relator) e os Presbíteros João Leandro de Faria e Christiano César. O primeiro Pastor da Igreja foi o Rev. Manoel Alves de Brito.

 
Esta Igreja foi uma semente bem semeada que germinou, deu e tem dado muitos frutos. Ela é como uma árvore de raízes profundas. Vejamos algumas destas raízes.
 
Raízes missionárias. Desde seu início a IPM foi treinada a ser missionária. Seu primeiro Pastor, o Rev. Manoel A. de Brito, mesmo vindo do Rio de Janeiro, imprimiu a visão missionária. As arrecadações (coletas) do 1º domingo eram enviadas para a Junta de Missões Nacionais e para o Seminário Presbiteriano. Até hoje esta igreja é por natureza missionária. Ela não vive de momentos ou de programações missionárias, ela é por natureza uma igreja em missão. Possui um Ministério de Missões que cuida bem desta área. Neste ano fará sua XII Conferência Missionária no mês de agosto como o tema: Missões no Sertão Nordestino. Sua visão é ser missionária aqui na cidade de Manhuaçu, na região, no Estado de MG, no Brasil e no Mundo inteiro, isso ao mesmo tempo, conforme o ensino de Atos 1.8.
 
Raízes da liberalidade. No seu nascedouro, Deus levantou uma mulher para doar o terreno para se construir o primeiro templo da Igreja na Barra do Jequitibá, ou seja, a Sra. Elizabet Berbert Heringer. Para se construir o segundo templo, agora na sede do Município de Manhuaçu, em virtude do grande desenvolvimento da cidade, houve a doação de um terreno na área central feita pelo Sr. Benjamim Napoleão de Abreu.  Quando foi realizada a construção do terceiro templo, o projeto foi elaborado pelo Pastor e Arquiteto Dr. Diniz Prado de Azambuja Neto, o qual fez uma magnífica planta que custou apenas a oração da Igreja a seu favor. Até hoje a IPM tem a ampla visão da liberalidade. Ela possui o Domingo da Solidariedade e através da Junta Diaconal um amplo trabalho de ajuda ao próximo. São muitas e variadas as contribuições de são feitas para a construção de templo e casas pastorais. Há uma oficina de costura que recolhe roupas usadas e distribui aos carentes, bem como enxovais de bebês para mães carentes. Os homens estão envolvidos com o projeto Mão na Massa, que tem auxiliado membros carentes da igreja em melhoramentos de suas casas. Um Consultório Odontológico Social está atendendo pessoas carentes aqui dentro da própria área da Igreja. Na página 3 deste boletim está mais um exemplo de liberalidade, quando a nossa irmã Rosalina doou um terreno para a Igreja, em Três Barras (Simonésia). Entendemos que a fé sem obras é morta. 
 
Raízes da verdadeira espiritualidade. A história da IPM é marcada pela distribuição de uma farta literatura evangélica feita pelo Sr. Conrado. Esta atitude é reflexo do desejo de que muitos conheçam a Jesus. É o trabalho da evangelização pessoal. É o cumprimento da ordem de Jesus: Ide e fazei discípulos. A verdadeira espiritualidade passa pela paixão evangelística, na certeza de que Deus tem os seus escolhidos que ouvirão a Sua voz. A IPM é uma igreja firmada na Palavra, na doutrina dos apóstolos, na obra missionária, no louvor , na liturgia, na comunhão e na santificação. Ela não tem sido levada por ventos de doutrinas e tem se firmado mais e mais nos ensinos da Bíblia. Ela não tem compactuado com as tendências do mundo atual: pluralismo, hedonismo, materialismo, relativismo ético, etc. 
 
Rev. Anderson Sathler - Pastor da Igreja
Igreja Presbiteriana de Manhuaçu
Praça 5 de Novembro 406 . Centro . Manhuaçu . Minas Gerais
Telefone: 33. 3331.1055
w3vision